Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Gravidez não é doença?

por r i t i n h a, em 20.05.15

Não estamos doentes, mas temos de ter mais cuidados do que se estivéssemos realmente doentes!

Tudo o que fazemos e tudo o que comemos tem de ser tido em atenção: será que faz mal ao bebé?

Só para terem noção, aqui vão as mudanças nestes últimos 3 meses:

  • Não posso comer atum nem salmão (os peixes que mais comia) por cauda do excesso de mercúrio
  • Não posso comer carne mal passada
  • Não posso comer legumes crus (alface, tomate, etc) nem frutas com casca por causa da taxoplasmose
  • Não posso fazer os meus tratamentos habituais para a psoríase
  • Não posso fazer depilação a laser
  • Não posso ir para as águas quentes do Parque Terra Nostra e da Poça da D. Beija nas Furnas
  • Não posso ir para saunas nem jacuzzi
  • É preciso fazer análises ao sangue todos os meses
  • E outras tantas que agora não me lembro...

d12eae56c0af17e8c8b627e1bd39e430.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:03

Dia Europeu do Cancro de Pele: o meu testemunho

por r i t i n h a, em 20.05.15

Sempre tive muitos sinais, mas nunca tantos como agora. Nunca fui de apanhar muito sol por causa dos ditos cujos, mas eles não param de crescer. São cada vez mais. Tenho as minhas costas com tantos sinais que quase pareço um dálmata.

 

Tenho sido acompanhada pela minha dermatologista de 6 em 6 meses, e todos os anos tiro uns 2 ou 3 sinais: ou porque aumentaram de tamanho, ou porque mudaram de cor, ou porque têm mais relevo... 

E desde que a minha médica me disse que eu tenho muitas probabilidades de ter cancro de pele este rastreio é cada vez mais importante. Além das consultas de 6 em 6 meses e de tirar anualmente sinais para análise (até agora tudo ok ), a exposição ao sol é super controlada, além do protetor 50 ser o meu fiel companheiro.

óculos-de-sol-5.jpeg

 

Mesmo para aqueles que não têm sinais, ou têm apenas um desde nascença, não custa nada ir uma vez por ano ao dermatologista, só para descargo de consciência. 

Mais vale prevenir que remediar. E segundo um médico hoje no Bom Dia Portugal da RTP1, os melanomas (casos mais graves de cancro de pele) quando são detetados precocemente, têm probabilidades de cura na ordem dos 80%. 

Um conselho: tenham atenção ao vosso corpo 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:24


Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D